[MÚSICA]:RODOX

RODOX foi uma banda brasileira de hardcore punk cristão formada em 2002 em BRASÍLIA.
Foi o segundo projeto musical de sucesso liderado por Rodolfo Abrantes,
antigo líder dos RAIMUNDOS.
Misturando o ska, as melodias que lembrava muito o punk rock californiano,as batidas rápidas do hardcore punk e algumas músicas com afinidade ao nu metal.
Rodolfo Abrantes depois que se converteu a igreja evangélica,ele largou a banda RAIMUNDOS para formar uma banda de hardcore com letras mais sérias e que passam uma boa mensagem para as pessoas.
Principalmente os jovens.
E daí surgiu a banda RODOX.
Uma banda superprofissional com músicos de primeira qualidade de outras bandas.
Uma pena que a banda só durou dois anos...Mas deixou dois bons álbuns e uma porrada de videoclipes profissionais.
Tudo que é bom dura pouco.

ESTREITO
ESTREITO é o álbum de estreia da banda brasileira de hardcore RODOX.
Foi lançado em 2002 pela WARNER MUSIC BRASIL e dirigido por Tom Capone.
Algumas letras álbum fazem referência à fé protestante do vocalista Rodolfo Abrantes,como OLHOS ABERTOS e CEGO DE JERICÓ.
Musicalmente,a obra mescla hardcore punk,ska,como CONTINUAR DE PÉ,baladas,
como DIA QUENTE e QUEM TEM CORAGEM NÃO FINGE e rap com elementos de rock
(3 REIS,dividida em 3 vocais,Rodolfo,o rapper Xis, e Marcelo Falcão do O RAPPA),
hardcore melódico,como DE UMA SÓ VEZ e influências de crossover thrash,rap com new metal
e rapcore.
Apesar de se tratar de um disco da banda,o trabalho foi,por vezes,considerado,como um solo de Rodolfo Abrantes.
Aqui ainda não tinha uma banda formada.
Rodolfo e o DJ Bob deram o start pra começar esse projeto.
E para a bateria,chamou o experiente Fernando Schaefer,e o produtor Tom Capone deu uma força
nas guitarras.
Mesmo não sendo uma banda,o som aqui é de qualidade e de responsa.
Vemos o Rodolfo explorando tudo o que gosta.
Aqui temos uma salada muito bem feita,que agradou,e irá agradar a todos.
Sério mesmo...Ouçam esse álbum.
Todos já sabiam que o Rodolfo era talentoso por causa do seu trabalho no RAIMUNDOS.
Mas ouvindo este álbum...Temos total certeza disso.
Ele é um compositor nato.
Letras muito bem feitas com um som bem mais profissional.
Ouça sem medo.

RODOX
RODOX é o segundo álbum da banda brasileira de hardcore RODOX.
Foi lançado em 2003 pela WARNER MUSIC BRASIL,com produção musical de Tom Capone.
Assentada a poeira da saída de Rodolfo "Rodox" dos Raimundos e da formação do
Rodox (além da continuidade de sua ex-banda),pode-se afirmar que finalmente o Rodox ganhou uma cara de banda,visto que no primeiro CD,Rodolfo comandou toda parte criativa do mesmo.
RODOX é sim um trabalho de uma banda completa,que mistura as influências musicais de Rodolfo com o talento de seus companheiros de banda.
Se em seu primeiro CD,o RODOX flertou com o new metal,neste CD as músicas seguem um padrão diferente,algo como um hardcore melódico.
O destaque do álbum ficou por DE COSTAS PARA O MAR,escrita por Rodolfo e Patrick Laplan. Mais tarde,em carreira solo,Rodolfo chegou a tocar a música junto com a banda MILITANTES no SOS DA VIDA
Agora sendo uma banda completa,o projeto ganha um status maior.
Além de Rodolfo,DJ Bob e Fernando Schaefer,foram recrutados para as guitarras Marcos Ardanuy e Pedro Nogueira (este sendo substituído depois por Marcelo Magal),além de Patrick Laplan no baixo (sendo substituído depois pelo baixista Canisso do RAIMUNDOS)...O supergrupo está formado.
ótimos músicos tocando em uma ótima banda.
As composições e os instrumentais (e claro,os vocais),estão muito bem feito e produzido.
Pode-se dizer que este álbum é um pouco melhor que o primeiro,já que aqui,você sente que tem uma banda completa compondo o material.
Além disso,no álbum anterior,era praticamente uma salada mista com vários estilos.
Já aqui...O álbum é bem mais pesado e segue quase que uma linha só (talvez por isso que a mpusica de abertura do álbum se chama SEGUE A LINHA rs).
A banda tocou em vários lugares,apareceu em várias emissoras de TV e rádio.
Foi um sucesso estrondoso.
Pode-se dizer até que o RODOX estava tomando o posto do RAIMUNDOS,já que na época,eles faziam um som totalmente diferente,e o RAIMUNDOS já estava caindo no ostracismo.
Mas brigas internas fizeram a banda se separar.
Uma pena,já que os instrumentais do terceiro álbum já estavam sendo gravado.
Hoje em dia,você poderá ouvi-los se procurar na internet.
E iria ser um outro álbum pancada,já que estavam focando mais no new metal
com grooves pesados e matadores...Pena que não foi pra frente.
Perdemos um ótimo álbum.
Os outros integrantes tentaram seguir em frente sem o Rodolfo...Mas desistiram.
Rodolfo era o cérebro por trás.
Não ia dar mesmo.
Enfim...Recomendo muitíssimo este álbum para você que curte pancadaria das boas,
aliada a boas letras e composições.

Comentários

AUDIÊNCIA

TRADUTOR

SEGUIDORES